Category Archives: Decoração

Saiba como melhorar o ambiente de trabalho para os seus funcionários

Medidas simples podem ser eficazes para oferecer um expediente muito mais agradável. Veja como dar os primeiros passos!

Um bom trabalho de marketing faz toda a diferença para atrair e reter clientes. O que a alta administração de uma empresa muitas vezes se esquece, porém, é que o primeiro público que deve ser conquistado é o interno. O funcionário é o primeiro consumidor do seu produto ou serviço, já que ele atua tanto como um controle de qualidade (mesmo que atue em um segmento totalmente distinto) quanto como um promotor de sua empresa.

É preciso, portanto, criar estratégias reais, que elevem a qualidade do trabalho em si. Contar com o formato híbrido, criar um plano de cargos e salários atraente e oferecer equipamentos de segurança no trabalho são algumas das formas de garantir bem-estar e cuidado durante o expediente. Veja outras maneiras de melhorar o ambiente corporativo.

Ouça sua equipe

O primeiro passo para saber como melhorar o ambiente de trabalho é ouvir as pessoas que atuam nele. Pergunte aos colaboradores quais os pontos fortes e fracos da empresa, o que faz com que eles continuem trabalhando nela e o que pode ser feito para aperfeiçoar o local de trabalho.

É bem provável que as equipes se sintam constrangidas a falar abertamente sobre o que pensam. Uma solução eficaz é garantir o anonimato. Portanto, os funcionários podem responder formulários online ou conversar com o setor de recursos humanos. 

Se sua empresa tiver um relacionamento mais próximo com os colaboradores, é possível coletar essas informações com uma conversa mais informal. Vale observar qual a opção mais adequada para seu tipo de instituição. 

Invista na comunicação interna

Muitas das iniciativas para oferecer melhorias na empresa sequer chegam aos ouvidos dos funcionários. Quando não há uma comunicação interna bem-feita, a informação não chega aos interessados. Além disso, os veículos corporativos evitam ruídos e boatos que possam desestabilizar as equipes.

O primeiro passo para implementar a comunicação interna é conscientizando todos sobre sua importância. Só a partir daí é possível contar com estratégias e ferramentas eficazes, que possam levar informações relevantes a todos os interessados. É importante que essa conscientização parta da alta administração, como o CEO, e siga para os demais níveis.

Por fim, escolha os canais que estejam de acordo com a realidade da sua empresa. Há uma série deles, que vão desde o jornal-mural até as redes sociais corporativas. O importante é que eles sejam capazes de chegar até o seu público. 

Ofereça o formato híbrido

Para muitas pessoas, ir ao ambiente de trabalho é extremamente estressante — e isso nada tem a ver com o trabalho em si. Com a pandemia de covid-19, esse público percebeu como consegue ter mais produtividade em sua própria residência, pois não perde tanto tempo com trânsito, consegue resolver problemas domésticos e aumenta o contato com a família. Além disso, boa parte dos funcionários sente uma certa frustração em ter que ir ao local de trabalho para fazer algo que pode ser resolvido sem ter que sair de casa.

Para o gestor que gosta de manter o contato presencial com o corpo de trabalho, uma solução viável é o formato de trabalho híbrido, em que o funcionário fica três dias em home office, por exemplo, e o restante no escritório. Esse tipo de formato funciona principalmente com revezamento: enquanto um colaborador está em home office, outro que atua no mesmo segmento fica no escritório, e vice-versa.

Crie um plano de cargos e salários

O funcionário celetista é interessado em estabilidade, mas isso não significa que não deseje crescer na empresa. Oportunidade de carreira, aliás, é o que muitas vezes faz com que bons talentos comecem a trabalhar para a concorrência.

Comece criando um roteiro com todos os cargos e atribuições que um colaborador pode ter na sua empresa, assim como a remuneração máxima que pode ser alcançada com a conquista de metas e com um tempo específico de contratação. Depois, classifique-os como júnior, pleno ou sênior, fornecendo vantagens ascendentes para estimular o trabalhador a subir de colocação.

Tenha sempre bons equipamentos de segurança

Empresas de saúde, segurança do trabalho e engenharia precisam contar com equipamentos de proteção individual (EPI) para garantir que os funcionários trabalhem com o máximo de segurança possível. Contudo, até mesmo escritórios podem contar com recursos que protejam o trabalhador, como álcool em gel à disposição, máscaras descartáveis e distanciamento entre as cadeiras de trabalho.

Como utilizar o mármore ou itens com estampas de pedra na decoração

Deixe a sua casa mais elegante com essa pedra clássica

 

O uso de recursos minerais é algo presente há milhares de anos na história da humanidade. No período Neolítico, por exemplo, estátuas, monumentos e túmulos já eram feitos com rochas ornamentais, a exemplo do granito e do mármore.

 

Este último, por sua vez, é uma das muitas pedras usadas como revestimento, em paredes, móveis e até mesmo na decoração dos ambientes. E o que é melhor, ele traz todo um quê de sofisticação e elegância para qualquer home style.

 

Se é isso que você está procurando, veio ao lugar certo. Conheça um pouco mais sobre o mármore, seus principais tipos de aplicação e como usá-lo em diferentes cômodos e na decoração da casa.

O que é o mármore?

Antes de mais nada, é preciso dizer que até chegar à pedra que conhecemos como mármore, esse elemento passou por diversos processos e demorou centenas de anos até ser totalmente formado. O mármore é uma rocha metamórfica encontrada em regiões vulcânicas, gerada a partir de vários processos químicos e físicos.

 

O resultado disso é aquilo que conhecemos como mármore, uma pedra bem mais homogênea e que apresenta diversos veios em sua superfície. Sua coloração é variada, podendo se apresentar em tons de branco, creme, preto, verde e até róseo.

 

Pensando do ponto de vista histórico, o mármore é usado desde o período Neolítico e vai ganhando força com as antigas civilizações, especialmente os egípcios e gregos. É na Idade Média, porém, que o mármore passa a fazer parte do interior das casas e se espalha da Europa para o resto do mundo.

Aplicação do mármore e cuidados

Em se tratando do uso do mármore do ponto de vista residencial, há uma unanimidade quanto à utilização dessa pedra em ambientes específicos, como 

 

banheiros, salas, escadas e pisos. Por conta do alto custo e da sensibilidade à umidade, o mármore acaba não sendo tão usado em ambientes externos.

 

Para inibir possíveis danos, é necessário que a peça passe por um processo de impermeabilização (principalmente se ela for ficar em uma área externa ou molhada) e sua aplicação deve ser feita apenas por profissionais especializados. Na parte da limpeza, jamais usar produtos abrasivos e alcalinos.

 

A seguir, veja algumas sugestões de uso do mármore, desde os usos clássicos até os mais inovadores, além de itens com estampas de pedra para dar uma nova cara para a sua decoração.

Deixe o mármore como destaque

Uma possibilidade bem interessante é tornar a peça de mármore a “estrela” do ambiente, isto é, dar a ela o máximo de destaque (algo bem fácil, tendo em vista a imponência dessa pedra).

 

Um painel, uma lareira, a bancada da pia do banheiro ou da cozinha feitos exclusivamente com mármore são opções que vão dar mais sofisticação a cada um dos cômodos supracitados.

Combine mármore de cores diferentes

Existe uma diversidade imensa de cores e texturas de mármore. Portanto, outra sugestão é criar combinações que fujam um pouco do óbvio, mas de forma harmônica e rebuscada.

 

Portanto, atente-se à paleta de cores usada, evitando tonalidades conflitantes. Pedras mais claras, como o mármore Crema Marfil e Carrara, podem ser mescladas com pedras de tons mais intensos, como Marrom Imperial e Calacata.

Busque revestimentos semelhantes

Não é novidade nenhuma que o mármore é uma das pedras de maior valor de mercado, sendo bastante caro para ser usado em grande quantidade. Então, no caso de pisos, uma alternativa é apelar para revestimentos semelhantes.

 

Um exemplo é o porcelanato, que, além de ter opções que reproduzem perfeitamente o mármore, ainda tem como benefícios a alta resistência, versatilidade, facilidade de manutenção e limpeza e preço bem mais acessível.

 

Traga o mármore em outros elementos

O mármore pode aparecer também de outras formas para além das paredes e pisos. Mesas de jantar e mesas de centro, por exemplo, podem ter o tampo de granito, dando um diferencial à sua sala.

 

Além disso, ele também pode aparecer na decoração, em peças como relógio, porta-retratos e vasos de plantas. Eles não necessariamente serão feitos de mármore, mas podem ter estampas que reproduzem a pedra.

 

Azulejos divertidos para banheiro

A paleta de cores e as texturas aplicadas na decoração são um caminho para harmonizar o uso de azulejos no ambiente

O banheiro é um dos cômodos mais utilizados da casa, entretanto, o ambiente nem sempre é priorizado quando o tema é decoração e estilo. Espaço pequeno, localização na casa e a tradição de não decorar esses ambientes contribui para que o banheiro receba menos atenção. 

Nos últimos anos, esse cenário caminha para uma transformação. Agora, os banheiros são vistos também como um espaço para praticar autocuidado, se arrumar antes de uma ocasião importante ou relaxar durante um banho longo. 

Com esse destaque, os cômodos ganham novos itens que vão além dos jogos de toalhas e peças sanitárias. Mas afinal, como é possível harmonizar itens de decoração e revestimentos como os azulejos nesse ambiente?

Continue reading Azulejos divertidos para banheiro